Segunda-feira, 21 de Março de 2011

A minha escolha

Sou quem sabe da minha morte,

escolho o tempo

e a forma,

a banda sonora

e a sequência final.

 

Não quero flores

de quem nunca me as deu

com um sorriso perfumado.

 

Não quero lágrimas

de quem nunca me soube

amar, como mereci.

 

Não quero palavras

de quem nunca teve tempo

nem paciência para me ouvir.

 

Quero apenas poemas

num livro branco,

escritos pela alma

de quem um dia

morreu feliz.

 

 

Vera Sousa Silva

publicado por Vera às 12:12

link do post | critiquem ou elogiem | favorito

*Sobre mim

*Cuscar no BLOG

 

*Recentes

* A minha escolha

*Arquivos

* Março 2011

* Janeiro 2009

* Setembro 2006

* Agosto 2006

* Julho 2006

*Favoritos

* Depois de algum tempo...

* Minha Filha

* Quero ser tua

* Minha Vida

* Princesa

*Cantinhos Paradisíacos